Eu escrevo e te conto o que eu vi

Um blog sobre tudo e sobre nada.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP, Brazil

Um gajo deveras apaixonado pelo que faz. Jornalista, magro, pobre e feio. Tio da Carolina e da Gabriela, marido da Viviane. Repórter de esportes e motor, sãopaulino consciente, assessor de imprensa, fanático por automobilismo e esportes de aventura, e também freelancer, porque ninguém é de ferro.

sábado, abril 28, 2007

O Galvão dos pampas

PORTO ALEGRE (bah, que friozinho bão!) - De volta a Porto Alegre. Dia frio, tempo bom, autódromo de Tarumã. Do jeito que gosto. Tive o vôo cancelado na sexta, mas não cheguei nem a pisar no aeroporto. Sábado cedinho embarquei e não tive nenhum tipo de problema. Muito bom, muito bom.
.
Aqui no autódromo - como em quase todos onde tem corrida no fim de semana - tem um narrador oficial, que deixa a galera (??) das arquibancadas informada sobre o nome dos pilotos, das equipes, e em que pé está a corrida.
.
Uma coisa me chamou atenção no nobre falante: a voz dele é igualzinha à do Galvão Bueno.
.
Não só a voz. Os erros também. Beretta virou Bareta, Felipe virou Fábio, Hiar (tônico no A) virou "Híar", fora o Starostik, que cada vez era pronunciado de uma maneira diferente. E nenhuma delas correta.
.
Será que não era o Galvão mesmo?

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial