Eu escrevo e te conto o que eu vi

Um blog sobre tudo e sobre nada.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP, Brazil

Um gajo deveras apaixonado pelo que faz. Jornalista, magro, pobre e feio. Tio da Carolina e da Gabriela, marido da Viviane. Repórter de esportes e motor, sãopaulino consciente, assessor de imprensa, fanático por automobilismo e esportes de aventura, e também freelancer, porque ninguém é de ferro.

quinta-feira, dezembro 21, 2006

Creco e as baratas

SÃO PAULO (not even one requires a plan) - Ontem foi dia de detetização lá em casa. Palavrinha ruim de falar e de escrever. Detetização. O sobrado teve de ficar inabitado por cerca de oito horas. Eu estava trabalhando. Então, tranqüilo.
.
Foda foi chegar em casa. Não tinha cheiro. O veneno não tem cheiro. Fui dormir com o c* na mão. Vai que eu não acordo? Tipo aquelas famílias norte-americanas que se enfiam em casa numa nevasca, acaba a energia e os imbecis ligam o gerador e o aquecedor a diesel na sala. Monóxido de carbono não tem cor. Nem cheiro. Ou seja: a família foi dormir e 'acordou' morta.
.
Confesso que tive medo. Mas ao chegar, liguei todos os ventiladores e acendi minhas velinhas aromáticas (sugestão de Viviane, a Doce.). Acordei vivo, como vocês podem observar. O bom de tudo é que Whisky, o Rude (daqui pra frente, referir-me-ei ao poodle marrom apenas como W.), está em um hotel para cachorros. Ele não pode ficar na casa durante quatro dias. Senão, morre.
.
Sendo assim, um pouco de sossego. Não vou ouvir latidos ao acordar e nem ao chegar do trabalho. Vai fazer falta bricar de bolinha. E só. Quatro dias sem limpar xixi. Viviane, a Doce, estava às turras com W., o Rude. Ele a estava testando. Não sei, ele tem algo contra mulheres. Ele gosta de mordê-las. Eu também gosto, mas é diferente. Ele não flerta, não faz carinho. Chega e morde.
.
E os insetos ficarão mais um ano sem incomodar. Isso é o melhor de tudo.
.
As baratas? Só na garagem. Estavam curtindo um barato.

3 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Você é uma bicha, definitivamente...

5:43 PM  
Blogger Ricardo Pieralini disse...

Corra para o hospital, o veneno te afetou. Ninguem detetizou, mas dedetizou. Um barato.

12:04 PM  
Anonymous Vivi disse...

Fiquei muuuito tempos sem visitar a página, mas já dei boas risadas com teus textos!! Continuam muito bons!! Beijos!!

9:22 AM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial