Eu escrevo e te conto o que eu vi

Um blog sobre tudo e sobre nada.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP, Brazil

Um gajo deveras apaixonado pelo que faz. Jornalista, magro, pobre e feio. Tio da Carolina e da Gabriela, marido da Viviane. Repórter de esportes e motor, sãopaulino consciente, assessor de imprensa, fanático por automobilismo e esportes de aventura, e também freelancer, porque ninguém é de ferro.

sexta-feira, junho 29, 2007

Creco e as panquecas

SÃO PAULO (I'm so drunk that I wouldn't mind if you kill me) - Ontem fiz panquecas. "Supervisionado" pelo roomate Cleber, aquele jornalista alto e magro que tem um Polo, fala rápido e não sou eu. Supervisionado porque o cidadão estava com fome. E eu ali, me divertindo fazendo o molho, e tal.
.
Na frigideira, ensaiei aquele movimento de jogar a massa pra cima pra ela virar e cair certinha do outro lado. Foi como aprender a andar de bicicleta. Deu aquele medinho. Quando foi, na primeira, comemorei.
.
- Clebão! Vem ver!
- O que?
- Dá um bico!
(Faço o movimento e pimba! A panqueca cai corretamente na frigideira)
- Aôôô!!!
- Fera ou não?
- É uma figura mesmo.
.
E sim. A panqueca ficou boa pra caralho.

4 Comentários:

Blogger Ricardo Pieralini disse...

E o Kiko?

4:30 PM  
Anonymous valandil disse...

quando eu for pra ae quero panqueca.

:)

5:13 PM  
Anonymous Lu de Luca disse...

Mestre Creco...ou seria Cuca?

Vc é um filho da mãe...me conta de panqueca no MSN bem na hr do almoço?

Me aguarde, essa vai ter troco!

rs

9:29 PM  
Blogger Cleber Mata disse...

Senhores. Posso atestar. A panqueca ficou boa mesmo. Temos até foto da façanha.

8:30 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial