Eu escrevo e te conto o que eu vi

Um blog sobre tudo e sobre nada.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP, Brazil

Um gajo deveras apaixonado pelo que faz. Jornalista, magro, pobre e feio. Tio da Carolina e da Gabriela, marido da Viviane. Repórter de esportes e motor, sãopaulino consciente, assessor de imprensa, fanático por automobilismo e esportes de aventura, e também freelancer, porque ninguém é de ferro.

terça-feira, setembro 26, 2006

Inquieto

AMERICANA (tá na hora de sair de casa) - Inquietude. Dias de trovão, de calor à tarde, de preguiçosas manhãs frias e noites gélidas. Dias de pressão, estresse, raiva, questionamentos, vontade de meter o pé e a perna no pau da barraca, na barraca, no chefe, nos radares de trânsito, no horário político. E o bloqueio. Nada pode ser feito. Por enquanto. Calma.
.
Porque o mundo parece ser uma bosta, porque só você me surgiu de bom, porque você me suporta, me apóia, me entende, me excita e me acalma. Porque o sol bate de um jeito diferente na janela quando acordas do meu lado; porque se eu te mimo, se cuido bem de ti, é porque quero que jamais saias do meu caminho. Porque tu, e somente tu, o iluminas.
.
E isso basta.

2 Comentários:

Blogger Giselle Hoffmann disse...

lindo texto!
tirei uns minutos do meu dia para ler os anteriores a ele tbm!

excelentes!

beijocas garoto, saudade de vcs ai!
Gi

5:17 PM  
Blogger Bettie Pernoca disse...

::LOVE IS IN THE AIR::

Ah.. fico tão feliz com demonstrações de afeto. Acho que no mundo está faltando uma GRANDE pitada disso. Está faltando a gente abaixar e pegar a caneta do cara da frente que caiu no chão. Está faltando sermos mais humanos..

1:28 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial