Eu escrevo e te conto o que eu vi

Um blog sobre tudo e sobre nada.

Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP, Brazil

Um gajo deveras apaixonado pelo que faz. Jornalista, magro, pobre e feio. Tio da Carolina e da Gabriela, marido da Viviane. Repórter de esportes e motor, sãopaulino consciente, assessor de imprensa, fanático por automobilismo e esportes de aventura, e também freelancer, porque ninguém é de ferro.

quinta-feira, setembro 11, 2008

Família Trapatone

SÃO PAULO (vai ser desastrado assim lá em Santa Bárbara!) - Viviane, a Doce, e eu, somos dois seres nada matinais. De manhã é um mais perdido que o outro. Chega a ser engraçado. Estava A Patroa na área de serviço (corrijo: na minúscula área de serviço) tirando a roupa do varal e deixando em cima da máquina de lavar, quando me aproximo para dar-lhe um beijo de despedida.
.
Eu, com uma mochila nas costas, viro-me e ouço o "plaft!": derrubei um vasinho de flor e virou aquele spaciocio. Começo a tentar limpar, quando as roupas apoiadas sobre a máquina de lavar, limpinhas e esperando para serem passadas, caem sobre a terra do vaso que derrubei. Na queda, as roupas bateram no baldinho de prendedores, que caíram e se espalharam por toda a área de servço.
.
Vai ser trapalhão assim lá longe.

1 Comentários:

Blogger Diegovj disse...

mas são mesmo uma dupla de brincalhões, não?

Abs!

8:55 AM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial